E começamos mais uma parte da nossa viagem, se você ainda não conferiu, nessa viagem já passamos por algumas cidades, abaixo os posts para conferir:

São Paulo (Confira aqui)

Paris (Confira aqui)

E também vai ter um post completo falando sobre Dicas da China como, internet, vistos e muito mais (Confira aqui).

Chip Internacional

Estou usando o chip da Easysim4u (Compre aqui), porém a internet na China é bloqueada para algumas coisas, tem um post sobre Dicas sobre da China (Confira aqui) que explico mais detalhes.

Hotel

Hotel Kapok (Reserve aqui)

Um hotel bem próximo a vários pontos turísticos, fica há 5 minutos caminhando da Cidade proibida e muitos outros ficam por ali também, então muitas coisas você consegue fazer a pé.

O quarto super espaçoso, banheiro enorme e ainda tinha uma varanda com um jardim super fofo.

Além disso o quarto que reservamos dava direito a 4 cervejas, 4 refrigerantes e 4 águas por dia, confesso que nunca nenhum hotel que fiquei ofereceu isso, só pagaria a mais se consumisse mais que isso.

O café da manhã estava incluso e tinha bastante opção, no vídeo vocês vão ver mais detalhes.


Dia 1

No dia que chegamos já era perto da hora do almoço, ai ficamos andando por ali e fomos procurar algum restaurante.

Tasty House Restaurante

Achamos esse restaurante por acaso e fica há uns 5 minutos caminhando do hotel.

Estava tudo uma delícia e já começamos a experimentar a comida deles.

Pedimos esse noodles que estava uma delícia e o molho de pimenta vinha separado.

E esse peixe no vapor com gengibre e uma massa deles que não sei explicar o que é mas estava ótimo.

Dia 2

Fechamos o passeio das Muralhas da China no nosso hotel, foi mais ou menos U$60 por pessoa, com direito a almoço.

Escolhemos a entrada da Muralha Mutianyu ela é mais longe porém bem mais vazia que a Badaling.

O passeio começava as 7:00 da manhã e terminava as 17:30 e pegavam a gente no hotel.

Ming Tombs

Foi a nossa primeira parada, não é um passeio turístico muito procurado mas como fica no caminho das muralhas o tour para lá.

O lugar é um complexo de mausoléus funerários de imperadores da Dinastia Ming e foi escolhido pelos princípios do Feng Shui, porque as montanhas ao norte protegeria as tumbas dos maus espíritos trazidos pelos ventos daquela direção. Um caminho de 7km cheio de figuras de animais e seres mitológicos, leva até o complexo.

Parada para o almoço

Antes de ir para as muralhas paramos em uma loja de pedras e também já almoçamos e serviram uma comida típica chinesa.




Muralha da China

Chegando lá nessa muralha você tem a opção de subir pelas escadas ou pelo teleférico, lógico que fomos de teleférico pois de escada era muita coisa, mas se você for animado pra isso pode subir.😂

Pagamos mais ou menos equivalente a R$50,00 pelo teleférico por pessoa pra subir e descer, e para descer você também tem a opção de descer de carrinho.

Posso dizer que é surreal esse lugar, simplesmente maravilhoso e com certeza um dos lugares maus incríveis que já fui, tanto pela história, quanto pela beleza do lugar, parece até de mentira tudo aquilo.

Com certeza é um passeio que vale a pena fazer mas já separe um dia para ele e caso tenha tempo faça as outras entradas.

Restaurante Siji Minfu

Resolvemos jantar próximo ao nosso hotel e ali tem muitas opções escolhemos esse que é bem perto do fundo da Cidade Proibida.

Pedimos um frango e uma carne, as porções são bem grandes e dava pra ter pedido um só.

Uma especialidade desse restaurante é o famoso pato mas acabei não comendo nesse dia e confesso que não é meu prato preferido.

Dia 3

Nesse dia separamos para fazer os passeios perto do hotel como Cidade Proibida, Parque Jingshan, e Ben Hai parque e Wangfujing street.

Logo no caminho tem lugares lindos que vale uma paradinha para foto.

Forbidden City (Cidade Proibida)

Esse é o único passeio que pra entrar precisa estar com o passaporte.

Para entrar pagamos em torno de R$25,00.

E foi um dos lugares que estava mais cheio.

Parque Jingshan

Saindo da Cidade Proibida você pode ir caminhando até esse parque.

Esse vale a pena a visita, além de ser um lugar maravilhoso você tem a vista inteira da Cidade Proibida, infelizmente o dia que fomos a poluição estava bem alta e com o frio não deu pra ver muita coisa.

O que nos surpreendeu muito foi a limpeza de todos os parques.

Nesse você pagava uma taxa bem baratinha para entrar, mas não lembro.

BenHai Parque

Saindo do Jingshan parque ele fica uns 5 minutos a pé do BenHai parque.

Outra opção de passeio que vale a pena, esse parque é ainda mais lindo e para entrar também paga uma taxa baratinha de mais ou menos R$3,00.

Wangfujing Street

A rua mais famosa de Pequim com certeza é a Wangfujing, nela você encontra muitos restaurantes e também a famosa comida de rua e é lá que vendem os espetinhos de insetos.

Confesso que não tive coragem de comer lá, não achei muito limpo e os insetos então piorou 😂 mas com certeza vale a pena visitar e ali perto você encontra muitas lojas famosas e vários shoppings.

Cheesecake Factory Restaurante

Quem me acompanha sabe que amo esse restaurante, que é muito famoso pelas tortas doces  e encontramos esse restaurante dentro do shopping próximo a Wangfujing street.

Pra quem está na China mas está com vontade de uma comida mais normal para nosso paladar é uma ótima opção.

Fomos dois dias jantar lá e tudo sempre maravilhoso.

Dia 04

Summer Palace – Palácio de Verão

O famoso palácio de verão também é outro ponto turístico principal da cidade.

Ele é bem mais afastado e fomos de táxi.

Um lugar maravilhoso que também vale a pena conhecer.

Pra entrar você paga mais ou menos R$30,00  e depois caso queira subir em um templo que tem lá paga mais ou menos R$5,00 que vale a pena subir pois tem uma vista maravilhosa e em algumas épocas tem passeio de barco.

Heaven Temple – Templo do Céu

Esse também é um dos pontos principais e é mais afastado, você paga pra entrar no parque e também paga outra taxa pra entrar no templo.

Esse de todos foi o que menos gostei mas valeu o passeio.

Dia 5

Nesse dia deixamos pra relaxar e só saímos pra almoçar no shopping próximo a rua Wangfujing.

Achamos um restaurante chinês e comemos lá, acabamos pedindo um Noodles e na verdade era preparado na nossa mesa mesmo, foi engraçado pois a garçonete não entendia nada de inglês e nós tentando adivinhar como fazia mas no fim deu tudo certo e amamos a comida.

Confiram mais detalhes no vídeo:

E também no Instagram tem o destaque Pequim (Confira aqui).

No outro dia fomos para o nosso próximo destino da China que é Guilin.

Espero que tenham gostado das dicas.

Beijos.



Booking.com